terça-feira, 31 de março de 2015

13ª Corrida Rústica de Acari será realizada dia 11 de abril


No próximo dia 11 de abril acontecerá a 13ª Corrida Rústica de Acari. O tradicional evento esportivo comemorará os 182 anos de emancipação política do município. A concentração e inscrições acontecerão às 15h no Coreto da Praça e a largada às 16h, com o percurso de 9 km pelas principais ruas da cidade. Neste ano, serão distribuídos R$ 2.800,00 em premiação para diversas categorias. A Corrida Rústica é realizada pela Prefeitura de Acari. 

Premiação:

Categoria Masculina Geral: 
1º Lugar - R$ 400,00 (Quatrocentos reais) + Troféu + Medalha. 
2º Lugar - R$ 200,00 (Duzentos reais) + Troféu + Medalha. 
3º Lugar - R$ 100,00 (Cem reais) + Troféu + Medalha. 

Categoria Feminina geral: 
1º Lugar - R$ 400,00 (Quatrocentos reais) + Troféu + Medalha. 
2º Lugar - R$ 200,00 (Duzentos reais) + Troféu + Medalha. 
3º Lugar - R$ 100,00 (Cem reais) + Troféu + Medalha. 

Categoria Acari: 
1º Lugar - R$ 400,00 (Quatrocentos reais) + Troféu + Medalha. 
2º Lugar - R$ 200,00 (Duzentos reais) + Troféu + Medalha. 
3º Lugar - R$ 100,00 (Cem reais) + Troféu + Medalha. 

Categoria Veterano: 
1º Lugar - R$ 400,00 (Quatrocentos reais) + Troféu + Medalha. 
2º Lugar - R$ 200,00 (Duzentos reais) + Troféu + Medalha. 

3º Lugar - R$ 100,00 (Cem reais) + Troféu + Medalha

Emparn registrou chuvas em todas as regiões do RN no fim de semana


De sexta-feira (27) até esta segunda-feira (30), a gerência de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN), registrou chuvas em 63 postos monitorados em todas as regiões do Estado.

Na mesorregião do Oeste Potiguar as maiores chuvas ocorreram em Campo Grande (20mm) e Luís Gomes (20mm); Venha Ver (18mm); Major Sales (17mm); Rodolfo Fernandes (15,2mm) e ainda em Janduís; Rafael Fernandes; Grossos; Areia Branca; São Rafael; Barauna; Tenente Ananias e Serra do Mel.

Também choveu no Seridó e região Central: Em Timbaúba dos Batistas (21mm); Caicó (19mm); Jardim de Piranhas (15mm); Florânia (12,2mm) e, ainda em Santana do Matos, Tenente Laurentino Cruz, São Fernando e São Jose do Seridó.

Nas mesorregiões Agreste e Leste as maiores chuvas ocorreram em Ielmo Marinho (41,5mm); Coronel Ezequiel (31mm); Lagoa de Pedras (26,9mm); Santo Antonio (25mm) e Bento Fernandes (24mm). Também choveu em Barcelona (21mm); Jundiá (20mm); São Paulo do Potengi (19,9mm); Jaçanã (19,5mm); São Bento do Trairi (15mm); Vera Cruz (15mm); Rui Barbosa (13,4mm); Nova Cruz (12mm); Pedra Grande (30,5mm); Canguaretama (5,4mm); Espírito Santo (4,8mm); Parnamirim – Base Física da Emparn – (3,0mm); e Natal (2,7mm).


UFRN é considerada a melhor universidade do Norte e Nordeste


A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) é considerada a melhor universidade do Norte e Nordeste segundo o Índice Geral de Cursos (IGC), estatística publicada pelo Ministério da Educação (MEC). Esta é terceira vez que a UFRN que recebeu este prêmio, ficando a frente da Universidade Federal do Ceará (UFC) e Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

O índice é calculado a partir de avaliações dos programas de pós-graduação, da distribuição dos universitários entre os diferentes níveis de ensino, e do rendimento dos alunos de cada instituição no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE) de 2011 a 2013. As carreiras de cada ramo do conhecimento passam pela avaliação a cada três anos. No ano passado, foram examinados pelo MEC os cursos da área da Saúde.

No ranking nacional, a UFRN ocupa a 19ª posição. De acordo com o IGC, as três melhores universidades do Brasil são as federais do Rio Grande do Sul (UFRGS), do ABC (UFABC), em São Paulo, e de Lavras (UFV), em Minas Gerais.

Curso de Medicina recebe conceito 4 do Ministério da Educação

O Ministério da Educação (MEC) atribuiu conceito 4, numa escala que vai de 1 a 5, ao curso de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Para a avaliação da qualidade do curso, o MEC analisa as notas obtidas no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (ENADE), a estrutura da Instituição e a titulação do corpo de professores.

Entre as 154 universidades avaliadas, 34 receberam o conceito 4, que foi a nota mais alta dada pelo MEC. As graduações de Medicina da Universidade Federal do Espirito Santo (UFES), Faculdade Federal de Uberlândia (UFU), Faculdade de Medicina do ABC (FMABC), receberam a mesma nota da UFRN.

O Conceito Preliminar do Curso (CPC) considerou insatisfatório 27 cursos de Medicina por não obterem o nível 3, que é a nota mínima. Os resultados divulgados são da avaliação de instituições de ensino superior na área de Saúde, realizada em 2013.

Portal No ar


segunda-feira, 30 de março de 2015

Caicó sediou seu primeiro grande Torneio de Poker


Nos dias 27, 28 e 29 de março a cidade de Caicó foi a capital do Poker no estado do Rio Grande do Norte, reunindo cerca de 100 jogadoresvindos de várias cidades do estado, da Paraíba e Ceará. O evento aconteceu no Restaurante Ponto Certo no centro e distribuiu em sua premiação a quantia de R$24.000,00 (vinte e quatro mil reais).


O campeão do torneio, Françuélio Araújo veio de São Bento-PB e levou cerca de R$7.000,00. Confira a reportagem da ATV que esteve presente no evento:

Seca: Governo decreta calamidade em 91,6% dos municípios do RN

Seca recorrente nos últimos anos justificou decreto de calamidade pública em 153 municípios

O Governo do Estado decretou calamidade pública em 153 dos 167 municípios do Rio Grande do Norte devido à estiagem. Com isso, o Executivo poderá contratar durante 180 dias, com dispensa de licitação, as obras e serviços necessários para amenizar as consequências provocadas pela seca. 

Na justificativa para o decreto de calamidade, publicado no sábado (28), o Governo aponta para as chuvas abaixo da média nos últimos anos e também para a previsão de que 2015 seja mais um ano de seca no estado. Além disso, a situação dos reservatórios, abastecimento por carros-pipa em 120 cidades e necessidade de rodízio em alguns municípios também foram levados em consideração para o estado de calamidade ser decretado.

A calamidade ficará em vigor por 180 dias ou até que os reservatórios estejam com níveis capazes de se restabelecer a normalidade no fornecimento de água à população potiguar.

Tribuna do Norte


WhatsApp é tentador, mas cuidado ao repassar o que recebe por ele

Compartilhar fofocas, informações maldosas e imagens constrangedoras pelas redes sociais pode implicar em crime. Foto: Divulgação
Se no começo das redes sociais – lá nos tempos do Orkut, por volta de 2005 – a comunicação ficava a um acesso ao computador de distância, hoje, no auge do WhatsApp, ela está no bolso da maioria das pessoas. Inicialmente um substituto gratuito para o envio de mensagens entre smartphones, o aplicativo foi ganhando recursos até chegar ao status atual de queridinho para a comunicação em grupos.

Como em um fórum, os participantes enviam, recebem, comentam e passam adiante recados, notícias, fotos e vídeos. Então criou-se um problema: esse repassar quase sempre é feito sem checar se a informação é verdadeira ou se vai ferir os direitos de alguém que seja citado ou aparecer em imagens. Tanto faz se o assunto é política ou um vídeo de sexo.

“Ainda falta a noção de ética nessa comunicação”, crava a psicóloga Andréa Jotta, do Núcleo de Pesquisas da Psicologia em Informática da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (NPPI/PUC-SP). “As pessoas simplesmente gostam e repassam, ou não gostam e repassam. Não há um nível de consciência, é um comportamento automático.”

Assim, fofocas e falsas notícias passam a se disseminar como se fossem verdadeiras. E fotos e vídeos de “revenge porn” (aqueles em que ex-namorados ou ex-maridos expõem as mulheres fazendo sexo) caem rapidamente em sites e na boca do povo. “Mas como, se só mandei para um grupinho de seis pessoas?”, perguntam-se os usuários.

Falsa sensação de privacidade e controle

A falsa ideia de que a comunicação ocorre apenas entre as pessoas escolhidas é o ponto-chave da questão. “Por estarem com aquilo em seus smartphones pessoais, e não em um computador, as pessoas têm uma falsa sensação de que a privacidade e o controle sobre o conteúdo são maiores do que nas redes sociais”, diz Andréa.

Segundo a psicóloga, isso é um erro por dois motivos. O primeiro é o afetivo: “Encaminhar ou deixar o parceiro ver um arquivo tem funcionado como prova de amor entre casais. Se tornou símbolo de confiança. Mas isso não significa que ele não poderá repassar para quem quiser. Os destinatários tornam-se remetentes e não tem como haver controle sobre isso.”

Há, também, o aspecto tecnológico. “O WhatsApp guarda registros de tudo que é feito nele. Cada informação fica armazenada no smartphone que a enviou ou recebeu, e ainda em um backup em nuvem. Uma vez lá, as informações podem ser hackeadas e cair na rede a qualquer momento”, alerta.

Então, é bom pensar antes de encaminhar algo que tenha recebido. “Todo cuidado é pouco, não se pode deixar levar por emoção, descontrole, raiva”, orienta Gisele Truzzi, advogada especialista em direito digital e sócia-proprietária de Truzzi Advogados. Ela prossegue: “A tecnologia cria um distanciamento que faz as pessoas acreditarem que estão ilesas, não serão identificadas. Mas qualquer ação deixa rastros, e eles acabam revelando a autoria de um conteúdo. A pessoa produz provas contra si.”

Responsabilidade jurídica

Que fique claro que ninguém vai rastrear o caminho de mentiras ou fotos e vídeos constrangedores espalhados pelo WhatsApp apenas para dar uma bronca. Quando isso ocorre, é porque medidas judiciais estão sendo tomadas e um processo está a caminho – tanto para o autor quanto para quem compartilhou, que pode ser julgado e condenado como coautor.

“Qualquer pessoa que repassar um conteúdo negativo consegue compreender que aumenta o risco de exposição negativa e de ofensa contra o indivíduo. Há responsabilidade jurídica tanto na esfera cível quanto na criminal, com penas que vão de multa a detenção”, afirma Gisele.

Ela explica os crimes mais comuns nesses casos: “calúnia – quando se imputa um crime a uma pessoa sem que ela tenha sido julgada –; injúria – quando uma pessoa sofre cyberbullying, por exemplo –; e difamação – quando se expõe a pessoa a um constrangimento ou se mancha sua imagem perante o público”.

O caminho das pedras

Até chegar nesse ponto, a vítima precisa ter registrado um boletim de ocorrência em qualquer delegacia de polícia – não precisa, inicialmente, ser uma especializada em crimes cibernéticos. Para tanto, ela deve estar munida de uma ata notarial em que conste o teor da mensagem ofensiva. “Isso é feito em um cartório de notas, preferencialmente por um tabelião que tenha experiência em lavrar esse tipo de documento”, ensina Gisele.

A ata poderá ser feita mediante “prints” de telas. A advogada destaca que “é muito importante que o ofendido não apague as mensagens e, preferencialmente, faça backup delas em outras mídias, como um HD externo”. O documento é uma prova incontestável, ou seja, sua validade não poderá ser questionada no futuro processo.

Mas evitar tudo isso é muito simples: basta ter bom senso e respeito pelo próximo, e não fazer contra os outros o que não gostaria que fizessem com você. Como aconselha Gisele, “o que não deve ser falado pessoalmente deve ser evitado também, e principalmente, virtualmente”.

Fonte: IG


“Matar ou morrer! Cadeia nunca mais!” orientava líder de quadrilha com sete membros executados

Foto: Divulgação

A Polícia Civil apresentou, na manhã desta segunda-feira (30), mais detalhes da Operação Hefesto, que resultou na morte de sete suspeitos de assaltos, no início da manhã deste domingo (29), em Currais Novos. Além dos sete mortos, dois homens foram presos e, de acordo com a polícia, outros 10 são identificados.

De acordo com informações da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado, o líder da quadrilha é Isaias Leandro Lopes, conhecido como Gordo Isaias. Ele foi um dos mortos no confronto com os policiais civis da Deicor e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE).
Além dele, outro morto identificado pela polícia foi João Batista Nunes da Silva. Os outros cinco mortos ainda não tiveram os nomes divulgados pela polícia, pois não foram identificados oficialmente.

Durante as investigações da Operação Hefesto, os policiais civis da Deicor prenderam também, em Natal, um jovem identificado como Kleiton Carrol Gomes de Albuquerque. Em Currais Novos, durante a operação que resultou nas sete mortes, o taxista João Maria da Rocha, vulgo Catatau, também havia sido preso apontado como integrante da quadrilha.

A delegada Daniele Filgueira, da Deicor, avaliou a operação como bem sucedida. Ela confirmou que a quadrilha era especializada em arrombar caixas eletrônicos. “Esses criminosos, além de roubar dinheiro dos bancos, ainda costumam causar terror nas cidades por onde passam, atirando contra prédios da polícia ou casas, por exemplo. Então, são homens de alta periculosidade”, afirma.


Polícia acredita que quadrilha parcialmente morta tem cerca de vinte integrantes

Coletiva-sobre-operacao-Hefesto----Rodrigo-Trigueiro-WR--(26)

Os sete criminosos mortos na “Operação Hefesto”, que foi desencadeada neste domingo (29), são suspeitos de participação em vários assaltos a bancos no Rio Grande do Norte. Os detalhes da ação foram fornecidos na manhã desta segunda-feira (30), em coletiva de imprensa no Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp).

De acordo com Danielle Filgueira, adjunta da Delegacia Especial de Combate ao Crime Organizado (Deicor), a quadrilha vem sendo investigada há mais de dois meses. “Começamos a receber informações de que essa quadrilha vinha atuando em roubos a bancos que vinham acontecendo pelo Estado. Descobrimos que eles estavam planejando um roubo a uma agência bancária na cidade de Currais Novos. Foi aí que decidimos que era o momento certo de fazer a abordagem e realizar as prisões”.

Embora já existissem informações de que os criminosos estavam em Currais Novos, a polícia precisou ter cuidado para realizar a abordagem. O motivo é que se sabia que a quadrilha tinha um arsenal muito grande de armas de fogo. “Não podíamos simplesmente chegar e dar voz de prisão. A possibilidade de uma resistência era muito grande. Por isso que pedimos apoio do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais). Também sabíamos que os criminosos tinham uma grande quantidade de explosivos”.

Antes de assaltar em Currais Novos, a quadrilha decidiu tentar uma ação criminosa em uma outra agência da região. Entretanto, quando já estavam se aproximando do local, eles foram avistados por uma viatura da Polícia Militar e decidiram abortar. “Eles se esconderam em uma região de mata e abandonaram o carro. Como sabíamos que eles tinham um armamento muito forte, achamos por bem esperar que eles saíssem de dentro da mata. Deixamos policiais de vigia. Até que na madrugada, um táxi veio pegá-los. Passamos a seguir o táxi e então, quando eles se distanciaram da zona urbana, nós resolvemos fazer a abordagem”, explicou Danielle.

6i767i46i

Foi nesse momento que a “tensão” ficou elevada. O motorista do bando, identificado como João Maria Rocha, o “Catatau”, saiu do veículo e se entregou, sem resistência. Porém os outros sete não fizeram o mesmo. “Nós ficamos solicitando que os outros integrantes do veículo saíssem. Um deles saiu, mas estava armado de uma escopeta calibre 12 e disparou contra a polícia. Tivemos que revidar e ele foi neutralizado. Os outros seis ficaram no carro e não saíram. Em um determinado momento, eles começaram a disparar contra os policiais. Também revidamos e todos foram abatidos”, disse o major Rodrigo Trigueiro, comandante do Bope.

Para fazer a abordagem aos criminosos foram utilizados 16 agentes da Polícia Civil, além de quatro integrantes do Bope. “Todas as operações que têm acontecido no sistema de segurança do Estado, tem tido uma integração entre os órgãos. Isso vem dando um resultado muito positivo. A intenção inicial de todos era prender, levar os criminosos para a justiça. Porém, diante da resposta dos criminosos, os policiais precisaram agir desta forma, para garantir a segurança da população”. Dos sete mortos, apenas dois foram identificados até agora. João batista Nunes da Silva era foragido da justiça. Ele é apontado como autor de diversos crimes, entre eles latrocínio, nas cidades de Alexandria, Ceará-Mirim, Natal, Parnamirim, Assu e Ipanguaçu.

Já Isaías Leandro Lopes, mais conhecido como o “Gordo Isaías”, era um dos líderes da quadrilha. “As informações que temos é que ele falava que era matar ou morrer para ele. Que ele não iria voltar para a cadeia”, afirmou a delegada Danielle Filgueira. O “Gordo Isaías” cumpria pena em regime semiaberto na Penitenciária Estadual de Parnamirim (PEP). Segundo Danille, ele era considerado de alta periculosidade. “Depois da operação, nós levamos a companheira de Isaías para depor. Ela nos falou que não queria participar de nada. Por isso o Isaías batia muito nela. Ele disse que apanhava muito dele por não querer participar. Quando era mais jovem, o Isaías também era considerado um terror em Mãe Luíza. Ele assaltava direto por lá. Depois ele viu a oportunidade de passar a assaltar bancos”.

O motorista da quadrilha, Catatau, também foi levado para interrogatório na Deicor. Lá, ele disse que estava sendo forçado a participar dos assaltos. “Ele chegou até a falar que tinha sido sequestrado. Mas nós sabemos que isso não é verdade. Ele não só participava dos assaltos por vontade própria, como ele também não era contratado, mas sim um integrante permanente da quadrilha”, frisou a adjunta da Deicor. O outro preso foi Kleiton Carrol Gomes, o “Magão”. Ele foi detido em uma residência na Grande Natal. Com Magão a polícia encontrou diversas armas que eram de propriedade da quadrilha.

Mesmo depois das sete mortes e duas prisões, Danielle Filgueira destacou que as investigações da “Operação Hefesto” continuam, já que a quadrilha seria bem maior. “Acreditamos que a quadrilha tenha cerca de 20 integrantes, pelo menos. Além disso, é provável que a quadrilha tenha ramificações, ou seja, que os integrantes dela participem de outras quadrilhas. Por isso, muitas coisas não podemos revelar para não atrapalhar as investigações”.

Os outros cinco mortos no confronto ainda estão em processo de identificação no Itep. Além disso, as armas e balas encontradas com a quadrilha serão comparadas com projéteis recolhidos em outros assaltos a bancos.


Prefeitura de Acari fará tradicional entrega de peixes à usuários do programa Bolsa Família nesta quinta-feira (02)


A Prefeitura Municipal de Acari, através da Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Comunitário, informa a todas as famílias acarienses, beneficiárias do Programa Bolsa Família, que nesta quinta-feira, 02 de abril, a partir das 8 horas, será realizada no Municipal Clube, a tradicional distribuição de peixes da Semana Santa. 

Esta ação faz parte dos compromissos da Gestão Municipal para beneficiar pessoas e famílias de baixa renda do município de Acari. As senhas para o recebimento dos peixes serão entregues nos dias 31 de março e 01 de abril, das 8 horas às 12 horas, no Centro de Referência de Assistência Social - CRAS (Casa da Família), localizado à Rua da Matriz, nº 68 - Centro. Os beneficiários deverão apresentar o cartão do Programa Bolsa Família.

Prefeitura de Acari age com rapidez e inicia conserto da passarela do Açude da Santa


Após pouco mais de uma semana do desabamento de parte da passarela do açude das Oiticicas (açude da Santa), a Prefeitura de Acari, através da secretaria de Obras já inicia o conserto. 

A passarela, que já apresentava defeitos desde a sua construção desabou após algumas chuvas, que ocasionaram erosões. Rapidamente a administração que trabalha para por um futuro melhor, pensando na segurança dos transeuntes e na manutenção da parede providenciou o conserto rapidamente.

Estrutura que compõe a cobertura da nova quadra de esportes do Dinarte Mariz, em Acari, já começa a ser preparada


A administração que está construindo um futuro melhor para Acari, também está investindo no Esporte e Lazer. A quadra que está sendo reconstruída no Bairro Dinarte Mariz está com os trabalhos bastante adiantados. O contra-piso já está pronto. As partes metálicas que compõe a estrutura da cobertura, já estão sendo preparadas para serem afixadas.

A prefeitura de Acari, através desta obra, irá beneficiar os desportistas no bairro Dinarte Mariz. A reconstrução da quadra poliesportiva do bairro está sendo executada através de convênio federal no valor de R$ 252.091,75. A quadra nova será bem maior que a anterior, dispondo de cobertura e grades ao seu entorno.

Prefeitura de Acari paga salário de março nesta terça-feira (31)


A Prefeitura Municipal de Acari, através da Secretaria de Administração, Tributação e Finanças, comunica aos servidores públicos municipais que o pagamento salarial relativo ao mês de março será realizado nesta terça-feira, dia 31.

Prefeito Isaias Cabral garante parceria da Prefeitura para a realização do espetáculo "Paixão de Cristo"


O prefeito Isaias Cabral se reuniu no último sábado (28) com o organizador do espetáculo "A Paixão de Cristo" em Acari, Carlos Cavalcanti, para garantir a parceria da Prefeitura Municipal na realização do evento. A encenação acontece nos dias 02 e 03 de abril, a partir das 20h, na Fazendinha Eldorado. A entrada será gratuita.

Mais um barreiro é recuperado pela Prefeitura de Acari


Prefeitura Municipal de Acari, tem realizado várias ações na zona rural, entre elas as recuperações de barreiros têm sido constantes. Através da Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Abastecimento, mais um barreiro foi recuperado na comunidade Bico da Arara, esta semana.

A administração que está construindo um futuro melhor, vem dando total assistência, na medida do possível, aos agricultores, pois as primeiras chuvas começam a cair na nossa região e simultaneamente a prefeitura vem cortando terra, construindo mata-burros, realizando abastecimentos d'água e recuperando barreiros e açudes.

sexta-feira, 27 de março de 2015

Confira o resultado final do Processo Seletivo Simplificado da Prefeitura de Acari publicado no Diário Oficial da FEMURN

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO – EDITAL Nº001/2015 DO RESULTADO FINAL DO PROCESSO SELETIVO (Cadastro de reserva): 

Conforme 1º Termo Aditivo ao Edital de Seleção Nº 001/2015 do Processo Seletivo Simplificado da Prefeitura Municipal de Acari/RN, segue abaixo a relação dos candidatos classificados: CANDIDATOS CLASSIFICADOS NO PROCESSO SELETIVO

Para consultar no Diário Oficial Clique Aqui

SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL:





SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO:




SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE:



SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS:


* Conforme o Item 6.2 do Edital 001/2015 do Processo Seletivo da Prefeitura Municipal de Acari/RN, os candidatos que não obtiveram média igual ou superior a 6,0 (seis) não foram classificados. 

** Conforme o Item 6, inciso II, do termo Aditivo ao Edital 001/2015 do Processo Seletivo da Prefeitura Municipal de Acari/RN, os eventuais recursos serão recebidos no dia 28 de março de 2015 (sábado), na Sede do Anexo da Prefeitura Municipal de Acari/RN, localizada a Rua Napoleão Antão, s/n, no horário das 8h às 12h. 

Prefeitura de Acari intensifica as ações de Corte de Terra na Zona Rural do município

Após início das chuvas, a Prefeitura Municipal de Acari, através da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Abastecimento, mais uma vez beneficia agricultores com a intensificação dos cortes de terras, na zona rural do município. Dois tratores trabalham simultaneamente nas propriedades rurais, beneficiando centenas de agricultores acarienses.

O incentivo e apoio ao setor rural de Acari têm acontecido desde o início da atual gestão. A prefeitura junto a secretaria de agricultura tem proporcionado muitos benefícios aos agricultores acarienses. Estas intensificações nos cortes de terras são mais algumas das contantes ações da administração que está construindo um futuro melhor.

Em parceria com o Ministério da Saúde, Prefeitura de Acari realiza ação de Controle da Qualidade da Água

A administração que está construindo um futuro melhor em Acari, pensando no bem comum da população, através da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com o Ministério da Saúde/ Governo Federal, realizou neste mês de março ações de Controle de Qualidade da Água, em três diferentes categorias: Caern, águas engarrafadas ou não, vendidas à população e águas de poços. 

Atendendo a uma solicitação por parte da Secretaria Municipal de Saúde, a equipe responsável pelas análises esteve em Acari com um laboratório móvel (Unidade de Apoio) para a realização dos trabalhos. O objetivo geral do Programa Nacional de Apoio ao Controle da Qualidade da Água para Consumo Humano (PNCQA) é fomentar e apoiar tecnicamente os estados, Distrito Federal e municípios no desenvolvimento de ações, planos e políticas para as ações de controle da qualidade da água para consumo humano a fim de garantir que a água produzida e distribuída tenha o padrão de qualidade compatível ao estabelecido na legislação vigente, visando à promoção da saúde e a melhoria do bem-estar das populações atendidas.

Isaura Amália, uma dos responsáveis pelas análises relatou algumas das situações no município:

"Quanto ao sistema oriundo do açude Gargalheiras, entendo que fica difícil oferecer uma água de qualidade com um manancial contendo um nível tão baixo. A água é salobra e a população tende a rejeitar seu consumo, utilizando-a para outros fins. O cloro adicionado na ETA - Estação de Tratamento, em Gargalheiras, foi suficiente para chegar na ponta de rede, dentro da faixa recomendada pela Portaria de potabilidade vigente. Já para as águas que são vendidas em diversos pontos da cidade, obtivemos um resultado satisfatório, a grande maioria está dentro dos parâmetros normais. Dos poços analisados, o que obteve melhor qualidade foi o poço recém perfurado em frente ao Ginásio de Esportes." Disse

Isaura ainda falou sobre o parâmetro SALINIDADE dos poços, relatou que todos se comprovaram de águas salobras, e para que as águas oriundas desses poços possam ser utilizadas para consumo humano, além da necessidade de dessalinizar, também precisam passar por processo de desinfecção. 
"Uma alternativa para o tratamento intradomiciliar da água é o uso do hipoclorito de sódio a 2,5%, 2 gotas para cada litro de água. Exemplo: para um garrafão de 20 Litros, adicionar 40 gotas da solução; fechar o vasilhame e inverte-lo para baixo e para cima com o propósito de misturar todo o volume. Aguardar 30 minutos e pronto; está própria para consumo." Disse Isaura 

Prefeitura de Acari incentiva a prática do Futebol de Mesa na Escola Major Hortêncio de Brito

A prefeitura de Acari através da secretaria de Educação e Cultura e da gestão da Escola Municipal Major Hortêncio de Brito, está proporcionando aos alunos a prática de mais uma modalidade esportiva em contra-turno, o FUTEBOL DE MESA.

Almir Campos, especialista na área e formador de grandes botonistas, voluntariamente, está treinando os alunos jogadores em aulas que acontecem todas as terças e quintas-feiras, das 19:00h às 20h30.

Essa ação atende meninos e meninas que desejam realizar a prática esportiva, e através desta e de várias outras ações a administração municipal de Acari vai construindo um futuro melhor a cada dia.

Campo Redondo festejou 52 anos de Emancipação com programação que movimentou a cidade


Campo Redondo, no Trairí do Rio Grande do Norte, viveu nesta quinta-feira (26) sua festa de Emancipação Política. Foram muitas as iniciativas realizadas ao longo de três dias. Desde as primeiras horas de hoje diversas atividades já aconteceram para marcar a data.

Logo cedo a banda do Projeto Mais Educação percorreu as principais ruas, depois a comunidade se reuniu na celebração da Santa Missa. O café comunitário reuniu a população na feira livre. O bolo comemorativo foi partido pelo prefeito Alessandru Alves que acompanhou toda a programação. Corrida de Atletismo e Ciclismo, além da tradicional Corrida de Jegue e os torneios de futebol e futsal fizeram parte das ações de emancipação.

“Ao lado de toda comunidade fiz questão, junto com nossa equipe, de acompanhar cada atividade deste dia tão importante para Campo Redondo. Parabéns Campo Redondo, parabéns a cada família, a cada cidadão. Viva os 52 anos da nossa história”, contou Alessandru.

quarta-feira, 25 de março de 2015

Dourado e Gargalheiras continuam sem receber água; previsão de abastecimento é até o fim de abril, diz CAERN

Açude Dourado permanece sem água. Foto tirada hoje pela manhã.
Foto atual do Açude Dourado de Currais Novos

Do blog de Jean Souza

Mesmo com as frequentes chuvas caídas no município de Currais Novos nos últimos cinco dias, o açude Dourado, maior reservatório do município – responsável pelo abastecimento de parte da cidade, continua seco, ou seja, ainda não recebeu água esse ano.

Contudo, a esperança é que se continuar chovendo nas próximas horas, o reservatório comece receber o líquido precioso, haja vista que alguns pequenos reservatórios existentes nas cabeceiras do Dourado já começaram a transbordar com as chuvas de ontem (24).

Outro reservatório que abastece Currais Novos, o Gargalheiras, também permanece sem receber água. Segundo informações da CAERN, o Marechal Dutra que também abastece o município de Acari, tem hoje menos de 2 % de sua capacidade hídrica.


Mulher vai para salão pintar o cabelo e fica careca na Bahia


Uma mulher vive um drama há dois anos e pede ajuda para resolver o problema. Andréa de Jesus Santos, de 35 anos, foi pintar o cabelo em um salão de beleza, no Vale da Muriçoca, na capital baiana, e ficou careca.

Ela contou que foi clarear as pontas do cabelo, mas a cabeleireira acabou pintando todo o cabelo. Após a aplicação do produto, o couro cabeludo começou a queimar e ferir. Alguns dias depois, o cabelo começou a quebrar e cair.

A mulher disse que costumava ir ao salão e nunca tinha tido problemas, mas trocou de tintura no dia, por orientação da cabeleireira, que disse que o produto era muito bom.

— Tudo que queria era meu cabelo de volta.

Agora, além de estar careca, Andréa sofre com a vergonha e não sai mais de casa, pois as pessoas ficam olhando, algumas até zombam e dão risada. Ela usa peruca, touca, chapéus e torso para poder ir para a rua. Até o casamento vai mal após todo o ocorrido.

— Meu marido tem vergonha de sair comigo.
Andréa voltou ao salão, mas a dona diz que não a conhece e ameaçou processá-la. Agora, a mulher pede ajuda com um tratamento para resolver o problema com o cabelo.

R7


Arrependido, ladrão na Paraíba devolve furto e deixa carta para vítima

A fotógrafa Nih Fernandes, que mora em João Pessoa, ainda tenta assimilar o que aconteceu. Na quarta-feira passada (18), ela deixou o apartamento fechado e, quando voltou, o local havia sido invadido. Um bandido entrou por uma janela do quarto e revirou tudo. Depois, fugiu levando os equipamentos de trabalho da profissional, avaliados em R$ 20 mil.

“Fiquei desesperada, porque não sabia como iria trabalhar sem os materiais. Resolvi então apelar para a polícia e para as redes sociais”, lembra. A fotógrafa chegou a oferecer uma recompensa de R$ 500 para quem pudesse dar uma pista ou devolver os equipamentos. Mas, em pouco tempo veio a surpresa.

Uma vizinha da vítima viu quando um homem, no dia seguinte ao furto, jogou uma sacola no estacionamento do prédio onde mora Nih. Eram os equipamentos de trabalho dela: duas máquinas fotográficas, quatro lentes, dois flashes e um tablet. Com eles, uma carta do ladrão mostrando arrependimento.

Em alguns trechos, o ladrão parece se colocar no lugar da vítima. “Me perdoe por ter lhe tirado o que a senhora comprou com seu suor. (…) Não quero destruir minha familia por causa das coisas dos outros. (…) Sei que é errado, a influência foi grande, mas Deus tocou meu coração”, diz a carta.

Agora, Nih Fernandes está aliviada. Diz que acredita na sinceridade do bandido e que ele realmente pode ter praticado o furto por um momento de fraqueza. “Só espero que ele tenha um futuro melhor”, falou.


Paraibano denuncia injúria e pede R$ 150 mil em processo contra Aviões do Forró

Um jovem de 28 anos de João Pessoa ingressou na justiça paraibana na semana passada contra a banda Aviões do Forró, A3 entretenimento (que administra a atração) e o cantor do grupo musical, José Alexandre Filho, chamado de ‘Xandy’. A ação por injúria tramita na 4ª Vara Cível da Capital e o autor pede uma indenização de R$ 150 mil.

Ao Portal Correio, o advogado de defesa, Robson Espínola, disse que o cliente dele está sendo vítima de uma difamação pública por parte do cantor e da banda cearense, há alguns meses. Ainda segundo o advogado, as frases teriam sido faladas nos shows da banda na Paraíba e em algumas cidades no Nordeste.

“O jovem sempre frequenta os shows da banda no Nordeste e é conhecido no meio artístico. O cantor Xandy – quando avista o rapaz – fala com ele com os termos: “Alô (***), como está o chifre..”; “(***), estou vendo as antenas aqui de cima... (sic)....Temos áudios e vídeos que comprovam as menções do artista durante as músicas”, falou o advogado.

Conforme consta na ação, o rapaz tem sido vítima constantes de difamação devido o áudio ter se espalhado. O jovem pede que a justiça desautorize a banda falar nos nomes dele nos shows e o pagamento de R$ 150 mil pela difamação sofrida. “Ainda corre no Juizado Especial Criminal de João Pessoa uma queixa-crime contra o cantor Xandy”, avisou Robson Espínola.

A assessoria de imprensa da banda disse que ainda não foi notificada oficial sobre a ação, mas que informou que vai comunicar o caso ao departamento jurídico da empresa A3 entretenimento. Uma nota deverá ser divulgada sobre o posicionamento da atração musical.


Contran adia por mais três meses o uso de extintor veicular ABC


O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) atendeu ao pedido do ministro das Cidades, Gilberto Kassab, apresentado no início do mês de março ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), para prorrogar por mais 90 dias a exigência dos novos extintores veiculares ABC.

Essa decisão foi tomada durante a reunião do Conselho nesta quarta-feira (25). Com a publicação no Diário Oficial da resolução 521/2015, a nova data será 1° de julho de 2015. O motivo para essa prorrogação é a falta do equipamento de segurança para venda no mercado. O Ministro Kassab e o Denatran querem garantir que os motoristas não sejam prejudicados diante da dificuldade de adquirir o equipamento de segurança.


Em fase de testes, chamada de voz pelo WhatsApp consome dados e é instável


Alguns usuários brasileiros têm conseguido habilitar o serviço de voz do WhatsApp em smartphones Android atualizando o aplicativo e recebendo uma “ligação-convite” de alguém com o recurso. Apesar da repercussão, o fato é que a chamada por voz está em fase de testes e ainda é instável (funciona vez ou outra).

Desde o início de março, várias pessoas têm postado em redes sociais sobre a habilitação do recurso. Porém, oficialmente, a desenvolvedora nem se pronunciou sobre o assunto. A única informação que o WhatsApp deu sobre o serviço foi feita no ano passado por Jan Koum, diretor-executivo da companhia. Na ocasião, ele disse que o aplicativo teria chamada de voz, mas sem explicar exatamente quando seria habilitado.

Após fazer a atualização e receber a chamada, é exibida uma terceira coluna no app chamada “ligações”. Nela, são exibidos o histórico de chamadas feitas e recebidas no aplicativo. Além disso, aparece um ícone de telefone para fazer ligações para os contatos. Porém só será efetuada caso a pessoa tenha também a última versão do aplicativo.


Cuidado: Beber “apenas” 3 litros de cerveja por dia é o suficiente para causar câncer

t6i5633

Especialistas afirmaram que beber “apenas” três litros de cerveja por dia é o suficiente para causar câncer no fígado.

Pela primeira vez, cientistas revelaram fortes evidências de uma ligação entre os tumores e as unidades de álcool consumidas.

O estudo realizado pelo World Cancer Research Fund descobriu que aqueles que bebiam três litros de cerveja diariamente eram mais propensos a sofrerem com a doença. Eles ainda afirmaram que o mesmo risco ocorre naqueles que bebem dois copos grandes de vinho no mesmo período.
O novo relatório é a revisão mais abrangente de pesquisas realizadas em todo o mundo relacionadas ao consumo de álcool, peso, atividade física e câncer de fígado.

A recomendação é de que mulheres limitem a beber apenas um drinque por dia, enquanto os homens podem dobrar esse consumo. Foram revisados 34 estudos abrangendo 8,2 milhões de pessoas, das quais 25 mil tiveram câncer no fígado.