quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Mulher come um rolo de papel higiênico por dia após desejo de gravidez

5u56u5

Mãe de cinco filhos, durante a gravidez de seu filho mais novo, Jaxon, ela teve vontade de comer papel higiênico. Desde então, ela consome um rolo por dia.

Sylvester acredita que sofra de PICA, uma condição na qual as pessoas sentem desejo de comer objetos que não são adequados ao consumo e não possuem valores nutricionais – aqui no Jornal Ciência, inclusive, já mostramos casos de pessoas que consomem de pedras a esponjas.

“Eu gosto da sensação da textura do papel higiênico na minha boca, não tanto do sabor. Eu gosto da secura. Minha família diz que isso não é muito bom para mim, mas não consigo parar”, relata Lade.

PICA pode causar uma série de complicações graves, caso a pessoa coma algo venenoso ou indigesto. Não se sabe por que algumas mulheres desenvolvem esse distúrbio psicológico durante a gravidez, mas pode haver uma conexão com uma deficiência de ferro, de acordo com o Journal of American Dietetic Association.

Vale ressaltar que comer substâncias não alimentares na gravidez é potencialmente prejudicial, tanto para a mãe quanto para o bebê, ressalta aAssociação Americana de Gravidez.

Felizmente, o filho de Sylvester, Jaxon, nasceu saudável e está se desenvolvendo normalmente.

Mas, apesar do fato ter aparecido há um ano, desde que ela deu à luz, Sylvester ainda não consegue quebrar o hábito de ingerir rolo de papel higiênico.

“Eu pensei que o desejo iria parar depois que dei à luz, mas não. Eu não posso sair dessa. Pode ser que esteja me prejudicando internamente, mas ainda não causou nenhum problema ou qualquer tipo de doença”, contou.

Lade Sylvester esconde seu hábito de seus cinco filhos, com medo que eles possam ingerir o produto de forma indevida.


Nenhum comentário:

Postar um comentário