quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Terceiro mais votado no RN, Professor Robério deve ficar neutro no 2º turno

Robério Paulino é candidato do PSOL ao governo do Rio Grande do Norte (Foto: Fernanda Zauli/G1)

O candidato ao governo do Rio Grande do Norte Professor Robério Paulino (PSOL) surpreendeu os adversários ao obter 8,74% dos votos válidos no primeiro turno, mas o apoio a um deles no segundo turno não está definido. O PSOL fará uma plenária no próximo sábado (11) para definir os rumos do partido na segunda fase da campanha. Henrique Eduardo Alves(PMDB), que teve 47,34% dos votos válidos no primeiro turno, enfrenta Robinson Faria (PSD), que teve 42,04%.

"O PSOL é um partido que decide coletivamente e teremos uma plenária no próximo sábado, mas acho difícil o apoio a qualquer um dos candidatos. É contraditório o partido apoiar um ou outro diante de tudo que foi apresentado na campanha, mas essa não é uma decisão minha", disse Robério.

Com 129.571 votos nas urnas, o professor ressaltou que fez uma campanha por idealismo e gastou R$ 30 mil em toda o processo eleitoral "de propósito para provar que é possível fazer política sem comprar consciência".

Ele agradeceu a confiança dos eleitores e avaliou a votação como um sintoma de que a socidedade está mudando. "Preciso agradecer principalmente à juventude que me apoiou, às dezenas de milhares de jovens que fizeram campanha junto as suas famílias. É uma votação dos setores mais conscientes da sociedade e estou muito feliz de ter merecido a confiança dessas pessoas. Significa que esse estado tem futuro", afirmou.

O segundo turno acontece no dia 26 de outubro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário