sexta-feira, 24 de outubro de 2014

A quatro dias da eleição, pesquisa aponta empate técnico entre Robinson e Henrique

67I6I6IO resultado da pesquisa do Instituto Certus ao Governo do RN conseguiu agradar a dois públicos distintos. Os eleitores de Robinson Faria (PSD) ficaram satisfeitos porque o candidato se manteve à frente na pesquisa, com 51% das intenções de votos válidos, fato que representa um crescimento de quase 10 pontos se comparado a eleição de primeiro turno. Já os eleitores de Henrique Eduardo Alves (PMDB) gostaram do resultado porque deu 48% para o peemedebista, o que significou uma queda da distância aberta por Robinson Faria no primeiro levantamento feito neste segundo turno, divulgado pelo Ibope na semana passada e que dava 8 pontos de vantagem para o peessedista.

Nos votos totais, Robinson Faria conseguiu 43,84%, contra 41,19% de Henrique Eduardo Alves. Cerca de 11% dos entrevistados disseram não votar em nenhum dos dois. Outros 3,7% afirmaram que ainda não sabem quem escolherão para ser governador do Estado a partir de primeiro de janeiro – a votação no segundo turno já ocorre neste domingo.

Para o eleitor de Robinson, a notícia boa: com 51% dos votos válidos segundo a Certus, o candidato do PSD cresceu quase 10 pontos se comparado a votação em primeiro turno, quando ele obteve 42% dos votos válidos. Se considerado os votos totais, também houve crescimento considerável, sobretudo, se comparado a última pesquisa da Certus no RN, realizada no dia 23 de setembro, quando Robinson teve apenas 36% das intenções de voto – hoje ele tem quase 44%.

Além disso, a vantagem de Robinson Faria sobre Henrique Eduardo Alves representa, se fazendo o comparativo com o número de eleitores no RN, uma vantagem de cerca de 100 mil votos. “A nossa caminhada cresce a cada dia no Rio Grande do Norte com apoio das pessoas simples, do homem do campo, do autônomo que quer ver seu Estado crescer e prosperar. É a verdade das ruas confirmando a vitória da convicção sobre a conveniência. Juntos, acreditamos em um RN melhor e vamos chegar lá!”, destacou Robinson, por meio de nota enviada pela assessoria de imprensa dele.

No entanto, Henrique também tem o que comemorar, apesar de não ter feito qualquer manifestação pública sobre os números. Isso porque o peemedebista cresceu de 46% das intenções de voto apontadas pelo Ibope na semana passada, para 48%. Além disso, o adversário dele caiu de 54% para 52%. Isso, talvez consequência da série de ataques feitos na propaganda eleitoral e nas inserções de Henrique contra Robinson, relacionadas, inclusive, ao caso dos apartamentos do Minha Casa, Minha Vida, que o peessedista já explicou.

Além disso, outro ponto positivo para Henrique é que, na pesquisa do Ibope, a rejeição ao nome dele deu 47% e, no levantamento da Certus, “apenas” 35,8%. Robinson Faria seria rejeitado por 28,5% dos entrevistados, segundo a Certus. Pouco mais de 25% dos eleitores afirmaram não rejeitar nome algum.

A pesquisa da Certus ouviu 1.510 pessoas, entre os dias 18 e 22 de outubro, e tem margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95%, o que significa que se fosse realizada 100 pesquisas nesse período, em 95 delas os resultados estariam dentro da margem de erro. A pesquisa tem registro no TSE de Nº BR-01156/2014 e no TRE Nº RN-00045/2014. A Margem de erro é de 3% e o índice de confiabilidade é de 95%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário