segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Brasil perde 500 mil orelhões e os que restam fazem apenas duas ligações por dia

A popularização dos telefones celulares fez com que os brasileiros usassem menos os telefones públicos. Em 13 anos, o Brasil perdeu quase 500 mil orelhões. E os que existem são pouco utilizados.

Atualmente, o País tem 845.117 mil telefones públicos, gerenciados por cinco diferentes operadoras de telefonia. Em 2001, eram 1,3 milhão de orelhões no Brasil.

De acordo com a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), cerca de 62% dos orelhões processam, em média, até duas chamadas por dia, considerando as ligações recebidas e realizadas.

Se levado em conta os 190,7 milhões de brasileiros, número indicado pelo último censo demográfico, realizado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em 2010, há um orelhão para cada grupo de 225 habitantes do País.

Para o presidente da Teleco, Eduardo Tude, a queda evidente no número de utilização dos aparelhos pode ser atribuída ao custo das ligações realizadas pelos celulares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário