quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Alunos do IFRN criam 'escorpião' que torna a água da chuva boa para beber

As 'patas do bicho' possuem argila, que filtram as impurezas e deixam a água boa para o consumo (Foto: Reprodução/Inter TV Cabugi)

A ideia não é nova, mas é muito importante: aproveitar a água da chuva. Estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), na Zona Norte de Natal, estão conseguindo fazer isso com um projeto barato. O aparelho, desenvolvido ao longo de sete meses pelos alunos, custa menos de R$ 30. Já o bem que ele faz para a natureza, não tem preço. É o que mostra matéria exibida pela Inter TV Cabugi nesta quarta-feira (13).

O nome do aparelho é Scorpion, que significa escorpião em inglês. Trata-se de um sistema de tubulações que recebe a água da chuva, trata e a deixa pronta para o consumo. As 'patas do bicho' possuem argila para filtrar as impurezas (Assista o vídeo ao lado e veja como funciona).

“A gente começou a pensar em resíduos, e também em materiais abundantes na região, que pudéssemos usar para incentivar a pesquisa, desenvolver melhor os conteúdos de química, e ao mesmo tempo termos uma aplicação prática para o próprio campus”, explicou Roberto Lima, professor e coordenador do projeto. “E hoje, uma preocupação mundial é o aproveitamento da água. Daí a ideia de montarmos um sistema de tratamento com argila. Assim nasceu o Scorpion”, acrescentou.

O professor explica que a água captada recebe uma pequena quantidade de hipoclorito de sódio e pronto, está potável. O tamanho do protótipo apresentado pelos estudantes é pequeno, suficiente para atender uma casa. Mas, o sistema pode ser construído em escalas maiores, podendo atender a condomínios e até indústrias.

O trabalho foi inscrito em uma mostra nacional de tecnologia, que será realizado no final do ano na cidade de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário