quarta-feira, 4 de junho de 2014

Menina de 12 anos tem filho com o próprio pai em cidade da Grande Natal

Pedreiro foi preso nesta terça-feira (3) em São Gonçalo do Amarante (Foto: Rafael Barbosa)
Um pedreiro foi preso na noite desta terça-feira (3) no bairro da Cidade da Esperança, zona Oeste de Natal, suspeito de abusar sexualmente da própria filha quando ela tinha 12 anos. Ele morava com a garota em São Gonçalo do Amarante, na região Metropolitana, mas foi para a capital na tentativa de escapar da polícia. De acordo com a Polícia Civil, a garota, que hoje tem 14 anos, teve um filho do próprio pai. A prisão foi feita pelo delegado Márcio Delgado, titular da Delegacia de Polícia Civil da cidade. Em depoimento, o suspeito alega que foi seduzido pela filha.

Segundo o delegado, o homem se preparava para fugir quando foi abordado na residência de uma outra filha, no da Cidade da Esperança, quando se preparava para fugir em direção à cidade de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte. Delgado contou ao G1 que pessoas próximas à adolescente começaram a suspeitar do abuso e o obrigaram a realizar um exame de DNA, que comprovou a paternidade. “Depois que saiu o resultado do exame, foi expedido um mandado de prisão e nós cumprimento a ordem judicial”, confirmou.

Ainda de acordo com Márcio Delgado, a vítima confirmou que depois que a criança nasceu o suspeito parou de praticar os estupros, apesar de tê-los cometido por diversas vezes antes. O pedreiro será encaminhado para um Centro de Detenção Provisória que tenha uma ala especial para pessoas que cometeram crimes de abuso sexual.

G1


Nenhum comentário:

Postar um comentário