terça-feira, 10 de junho de 2014

Funerária corta os pés para cadáver caber em caixão

102_956-alt-blog-cortar-pes-caixao

A dona de uma funerária em Grahamstown (África do Sul) foi presa esta semana após ter ordenado que cortassem os pés de um cadáver para que ele coubesse no caixão.

O caso ocorreu há três anos, mas Ronel Mostert ameaçava os funcionários, que mantinham silêncio sobre o caso.

Agora, um dos ameaçados, Siphamandla Dyasi, que havia operado a motosserra, resolveu contar a verdade. Segundo ele, estava difícil seguir a vida guardando o segredo, noticiou a agência AFP.

“Tive pesadelos e insônia por causa desse incidente. Tentei guardar o segredo por três anos, mas ele me atormentava constantemente. Durante esses anos quase não consegui dormir”, disse Siphamandla.

Após a denúncia, a polícia exumou o corpo e comprovou que o homem falara a verdade.

O Globo


Nenhum comentário:

Postar um comentário