terça-feira, 24 de junho de 2014

Carro amarelo desvaloriza menos que o preto, diz pesquisa

Basta uma rápida olhada no trânsito para observar que a maioria dos proprietários de automóveis preferem cores mais sóbrias: preto, prata e branco costumam predominar. Dizem que, assim, o carro desvaloriza menos do que os que têm cores chamativas, como vermelho e até laranja, na hora da revenda.

Segundo uma pesquisa realizada nos Estados Unidos, talvez não seja como você imagina. Especializado em comparar preços de automóveis usados e novos, o site iSeeCars analisou os números de 20 milhões de usados entre 1981 e 2010.
De acordo com os resultados, divulgados no último dia 16, carros amarelos sofreram, em média, uma desvalorização de 26,2% após cinco anos de uso. Já os pretos registraram uma queda de 34,4% no preço.

Para Phong Ly, CEO e cofundador do site iSeeCars, uma das explicações pode ser a "escassez" de carros coloridos no mercado. "Apenas 1,1% de todos os carros são amarelos e laranjas, se turquesa e verde forem incluídos, a porcentagem ainda fica em 5%. A falta de oferta pode elevar os preços."

Ranking de desvalorização por cor (em um período de 5 anos):

Carro amarelo: 26,2% 
Carro laranja: 27,6 
Carro verde: 31,3% 
Carro turquesa: 31,4% 
Carro vermelho: 31,7% 
Carros bege, marrom e dourado: 33,3% 
Carro azul: 33,6% 
Carro branco: 33,7% 
Carro prata: 34% 
Carro cinza: 34,2% 
Carro preto 34,4%

Nenhum comentário:

Postar um comentário