sexta-feira, 14 de março de 2014

Ronco não é normal e pode dar fim a relacionamento, diz médico


Todo mundo sabe que o sono é essencial para o corpo descansar e recarregar as energias, mas na prática nem sempre isso acontece. Quem já experimentou uma ou várias noites mal dormidas por causa do ronco do parceiro, sabe que a falta de sono desencadeia uma série de incômodos físicos, como dor de cabeça, cansaço e mal humor. A sinfonia ininterrupta pode, inclusive, causar brigas entre casais e até a separação. Mas, será que roncar é normal? No Dia Mundial do Sono, comemorado nesta sexta-feira (14), os especialistas ouvidos pelo R7 garantem que não.

A neurologista Dalva Poyares, do Instituto do Sono da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), explica que “quando o ronco é esporádico pode ser consequência de cansaço ou consumo de bebida alcoólica”.

— A partir do momento que o ronco se torna frequente e vira um transtorno na cama deve ser investigado. Este problema tem solução.


Nenhum comentário:

Postar um comentário