domingo, 5 de janeiro de 2014

Papa Francisco pede nova atitude da Igreja com os filhos de homossexuais

Papa falou sobre jesuítas (Foto: Alessandro Bianchi/Reuters)

O Papa Francisco pediu à Igreja católica em discurso divulgado neste sábado (4) para reconsiderar sua postura com os filhos de casais homossexuais e de pais divorciados, alertando sobre uma atitude que pode se reverter em algo equivalente a "inocular uma vacina contra a fé".

"Do ponto de vista educacional, os casamentos homossexuais nos lançam desafios que às vezes compreendemos mal", disse o Papa em um discurso à União Internacional de Superiores Gerais, no dia 29 de novembro, cujos trechos foram divulgados na internet pela imprensa italiana apenas neste sábado (4).

"A quantidade de crianças escolarizadas cujos pais estão separados é muito alta", disse, acrescentando que a estrutura familiar está mudando na atualidade. "Lembro do caso de uma menina que, com tristeza, confessou à sua professora: 'a namorada da minha mãe não gosta de mim'".

G1


Nenhum comentário:

Postar um comentário