sábado, 7 de dezembro de 2013

Brasileiro verá a Copa do Mundo na TV de casa, revela estudo


Segundo a revista EXAME, A Ipsos, empresa especializada em pesquisa de mercado, desenvolveu um estudo sobre o brasileiro e suas motivações em relação à Copa do Mundo de 2014. No período de realização da pesquisa, 3.000 pessoas foram entrevistadas pela equipe da Ipsos Marketing – área da empresa especialista no entendimento de mercado, marca e inovação – em dois momentos diferentes.

O primeiro foi feito no período de Copa das Confederações em que foi realizado um estudo online para avaliar o recall e associação de marcas de anunciantes aos eventos. Foram 1.000 entrevistas realizadas junto a homens e mulheres de 14 a 55 anos em todas as regiões do país. Já o segundo, tinha como objetivo entender a relação das pessoas com a Copa e seu envolvimento com as marcas relacionadas ao evento. Nesta ocasião, foram realizadas 2.000 entrevistas pessoais com homens e mulheres de 16 a 60 anos de classes ABCD, que já assistiram a alguma Copa anteriormente ou tem interesse na Copa de 2014 e que não são rejeitadores de futebol.

Cerca de metade dos participantes (52%) declaram ter grande interesse em assistir ao maior número de jogos possíveis. Apesar deste grande evento acontecer no país, isso não impactará no comportamento costumeiro de como assistir aos jogos, sejam eles do Brasil ou de qualquer outro time, segundo a pesquisa, 79% assistirão aos jogos em casa com a família. Apenas 14% das pessoas disseram que tentarão comprar ingresso para assistir a algum jogo do Brasil no estádio e 75% não vão assistir nenhuma partida no estádio.


Nenhum comentário:

Postar um comentário