quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Mais cidades do Seridó podem entrar em colapso de água

A região do Seridó, no Rio Grande do Norte, têm cidades onde a população não é mais abastecida pelo sistema convencional, o da Caern. E não ocorre mais por falta de água nos reservatórios destinados à capitação e posterior tratamento e consumo. Os reservatórios estão secando.

Itans é o reservatório que abastece a cidade de Caicó - (FOTO: Sidney Silva)
O diretor do escritório regional da Caern em Caicó, José Nilson de Araújo, confirmou que diversas cidades já estão em colapso de água. É o caso de Ipueira, Carnaúba dos Dantas e Equador. Algumas situações estão entrando em níveis mais críticos. Em São José do Seridó, 70% da população, não é mais abastecida pelo sistema convencional, haja vista à baixa no volume de água da Barragem Passagem das Traíras. Atualmente, o reservatório armazena 4 milhões, 914 mil, 858m³, o que é equivalente a apenas 9,89% de sua capacidade que é de 49.702.394m³. A Barragem ainda abastece a cidade de Jardim do Seridó.

A outra cidade que vive momentos de dificuldade quanto à falta de água, é Jucurutu. Um dos grandes problemas era falta de água do Rio Piranhas. A causa foi identificada pela Gestão Municipal. É que muitos moradores ribeirinhos fizeram barramentos da água. Com isso a cidade ficou desabastecida. Passou pelo menos 15 dias nessa situação. Esta semana, todos os barramentos foram retirados com o apoio da Polícia Militar.

Mas, a situação da água no leito do Rio Piranhas preocupa ainda mais por causa da possível decisão de redução da vasão nas comportas do complexo Coremas/Mãe D’água, no município paraibano de Coremas. É de lá que vem a água que pereniza o Rio. Por causa disso, uma comissão formada por técnicos da Agência Nacional de Águas – ANA, da Secretaria de Recursos Hídricos do Rio Grande do Norte, Caern, entre outros órgão, se reunirão nesta terça-feira, (27), em Coremas para discutir sobre o assunto.

O reservatório de água paraibano em questão, é formado por duas grandes barragens. Uma é Coremas e a outra é Mãe D’Água. Quando cheias, ambas formam um só reservatório com quase 1 bilhão de metros cúbicos de água.

Atualmente Coremas retém 38,6% de sua capacidade, enquanto Mãe D’Água acumula 35,6%.

Caicó

Com relação a Caicó, a população continua sendo abastecida pelo açude Itans pelo Sistema Adutor que tem ponto de capitação em Jardim de Piranhas, no leito do rio. O Itans, atualmente acumula 14 milhões, 965 mil metros cúbicos de água, o que é equivalente a 18,31% de sua capacidade.

Sidney Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário